Aberta as inscrições para chamada de seleção para composição dos Polos SISEM-SP

Publicado em: 10 Jan 2023
SISEM-SP

Ação cria sete macrorregiões museológicas para sediar as atividades do Programa Conexões Museus SP

Entre as novidades do Sistema Estadual de Museus de São Paulo (SISEM-SP) está a implantação dos Polos SISEM-SP. A iniciativa visa reorganizar as instituições museológicas do Estado em sete macrorregiões, com o objetivo de aproximar diferentes instituições culturais a partir de atividades conjuntas, efetivas e personalizadas.  

Junto à Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari (ACAM Portinari), o Grupo Técnico de Coordenação do SISEM-SP abre a Chamada de Seleção para composição dos Polos SISEM-SP, para selecionar as instituições que vão sediar os Polos no biênio 2023-2024. As inscrições podem ser feitas até 20 de janeiro.

Download “Edital Polos SISEM-SP - 2023-2024”

Edital_Polos-SISEM_2023-2024.pdf – Baixado 84 vezes – 205 KB

Conheça os Polos SISEM-SP

As sete macrorregiões dos Polos SISEM-SP foram definidas pela proximidade geográfica, tendo em vista o equilíbrio na quantidade de museus mapeados.

Os Polos SISEM-SP servirão como laboratório de práticas museológicas para os profissionais de museus dessas áreas. Além disso, cada macrorregião será capaz de difundir as ações que acontecerão localmente e também poderá promover trocas entre as instituições museológicas, a fim provocar aprendizagens e soluções dentro da rede.

Conheça as macrorregiões que formaram os Polos SISEM-SP:

Polo 1: 157 municípios e 27 museus mapeados.

Cidades: Adolfo, Altair, Alto Alegre, Álvares Florence, Américo de Campos, Andradina, Aparecida d’Oeste, Araçatuba, Ariranha, Aspásia, Auriflama, Avanhandava, Bady Bassitt, Bálsamo, Barbosa, Barretos, Bebedouro, Bento de Abreu, Bilac, Birigui, Braúna, Brejo Alegre, Buritama, Cajobi, Cardoso, Castilho, Catanduva, Catiguá, Cedral, Clementina, Colina, Colômbia, Coroados, Cosmorama, Dirce Reis, Dolcinópolis, Elisiário, Embaúba, Estrela d’Oeste, Fernandópolis, Floreal, Gabriel Monteiro, Gastão Vidigal, General Salgado, Glicério, Guaíra, Guapiaçu, Guaraçaí, Guaraci, Guarani d’Oeste, Guararapes, Guzolândia, Ibirá, Icém, Ilha Solteira, Indiaporã, Ipiguá, Irapuã, Itajobi, Itapura, Jaborandi, Jaci, Jales, José Bonifácio, Lavínia, Lourdes, Luiziânia, Macaubal, Macedônia, Magda, Marapoama, Marinópolis, Mendonça, Meridiano, Mesópolis, Mira Estrela, Mirassol, Mirandópolis, Mirassolândia, Monções, Monte Aprazível, Monte Azul Paulista, Murutinga do Sul, Neves Paulista, Nhandeara, Nipoã, Nova Aliança, Nova Canaã Paulista, Nova Castilho, Nova Granada, Novo Horizonte, Nova Independência, Nova Luzitânia, Novais, Olímpia, Onda Verde, Orindiúva, Ouroeste, Palestina, Palmeira d’Oeste, Palmares Paulista, Paraíso, Paranapuã, Parisi, Paulo de Faria, Pedranópolis, Penápolis, Pereira Barreto, Piacatu, Pindorama, Pirangi, Planalto, Poloni, Pontalinda, Pontes Gestal, Populina, Potirendaba, Riolândia, Rubiácea, Rubinéia, Sales, Santa Adélia, Santa Albertina, Santo Antônio do Aracanguá, Santa Clara d’Oeste, Santa Fé do Sul, Santa Rita d’Oeste, Santa Salete, Santana da Ponte Pensa, Santópolis do Aguapeí, São Francisco, São João das Duas Pontes, São João de Iracema, São José do Rio Preto, Sebastianópolis do Sul, Severínia, Sud Mennucci, Suzanápolis,  Tabapuã, Taiaçu, Tanabi, Terra Roxa, Três Fronteiras, Turiúba, Turmalina, Ubarana, Uchoa, Urânia, União Paulista, Urupês, Valentim Gentil, Valparaíso, Viradouro, Vista Alegre do Alto, Vitória Brasil, Votuporanga, Zacarias.

Macrorregião 2: 130 municípios e 51 museus mapeados.
Cidades: Adamantina, Agudos, Alfredo Marcondes, Álvares Machado, Anhumas, Arealva, Avaí, Álvaro de Carvalho, Alvinlândia, Arco-Íris, Assis, Balbinos, Bariri, Barra Bonita, Bastos, Bauru, Bernardino de Campos, Bocaina, Borá, Boracéia, Borebi, Cabrália Paulista, Cafelândia, Caiabu, Caiuá, Campos Novos Paulista, Cândido Mota, Canitar, Chavantes, Cruzália, Dracena, Dois Córregos, Duartina, Echaporã, Emilianópolis, Espírito Santo do Turvo, Estrela do Norte, Euclides da Cunha Paulista, Fernão, Flora Rica, Flórida Paulista, Florínia, Gália, Garça, Getulina, Guaiçara,  Guaimbê, Guarantã, Herculândia,  Iacanga, Iacri, Ibirarema, Iepê, Igaraçu do Tietê, Indiana, Inúbia Paulista, Ipaussu, Itaju, Itapuí, Irapuru, Jaú, João Ramalho, Júlio Mesquita, Junqueirópolis, Lençóis Paulista, Lins, Lucianópolis, Lucélia, Lupércio, Lutécia, Macatuba, Marabá Paulista, Maracaí, Mariápolis, Marília, Martinópolis, Mineiros do Tietê, Mirante do Paranapanema, Monte Castelo, Nantes, Narandiba, Nova Guataporanga, Ocauçu, Óleo, Oscar Bressane, Osvaldo Cruz, Ourinhos, Oriente, Ouro Verde, Pacaembu, Palmital, Panorama, Paraguaçu Paulista, Paulistânia,  Parapuã, Paulicéia, Pederneiras, Pedrinhas Paulista, Piquerobi, Pirajuí, Piratininga, Pirapozinho, Platina, Pompéia, Pongaí, Pracinha, Presidente Alves, Presidente Bernardes, Presidente Epitácio, Presidente Prudente, Presidente Venceslau, Promissão, Quatá, Queiroz, Quintana, Rancharia, Regente Feijó, Reginópolis, Ribeirão do Sul, Ribeirão dos Índios, Rinópolis, Rosana, Sabino, Sagres, Salmourão, Salto Grande,  Sandovalina, Santa Cruz do Rio Pardo, Santa Mercedes, Santo Anastácio, Santo Expedito, São João do Pau d’Alho, São Pedro do Turvo, Taciba, Tarabai, Tarumã, Teodoro Sampaio, Timburi, Tupã, Tupi Paulista, Ubirajara, Uru, Vera Cruz.

Macrorregião 3: 70 municípios e 49 museus mapeados.
Cidades: Altinópolis, Américo Brasiliense, Aramina, Araraquara, Barrinha, Batatais, Brodowski, Boa Esperança do Sul, Borborema, Buritizal, Cajuru, Cândido Rodrigues, Cássia dos Coqueiros, Cravinhos, Cristais Paulista, Descalvado, Dobrada, Dourado, Dumont, Franca, Fernando Prestes, Gavião Peixoto, Guará, Guariba, Guatapará, Ibaté, Ibitinga, Igarapava, Ipuã, Itápolis, Itirapuã, Ituverava, Jaboticabal, Jardinópolis, Jeriquara, Luís Antônio, Matão, Motuca, Miguelópolis, Mococa, Monte Alto, Morro Agudo, Nova Europa, Nuporanga, Orlândia, Patrocínio Paulista, Pedregulho, Pitangueiras, Pontal, Porto Ferreira, Pradópolis, Restinga, Ribeirão Bonito, Ribeirão Corrente, Ribeirão Preto, Rifaina, Rincão, Sales Oliveira, Santa Cruz da Esperança, Santa Ernestina, Santa Lúcia, Santa Rita do Passa Quatro, Santa Rosa de Viterbo, Santo Antônio da Alegria, São Carlos, São Joaquim da Barra, São José da Bela Vista, São Simão, Serra Azul, Serrana, Sertãozinho, Tabatinga, Taiúva, Tambaú, Taquaral, Taquaritinga, Trabiju.

Macrorregião 4: 71 municípios e 81 museus mapeados.
Cidades: Aguaí, Águas da Prata, Águas de Lindóia, Águas de São Pedro, Americana, Amparo, Analândia, Araras,  Artur Nogueira, Atibaia, Bom Jesus dos Perdões, Bragança Paulista, Brotas, Cabreúva, Caconde, Campinas, Campo Limpo Paulista, Capivari, Casa Branca, Charqueada, Conchal, Cordeirópolis, Corumbataí, Cosmópolis, Divinolândia, Elias Fausto, Engenheiro Coelho, Espírito Santo do Pinhal, Estiva Gerbi, Holambra, Hortolândia, Indaiatuba, Ipeúna, Iracemápolis, Itapira, Itatiba, Itirapina, Itobi, Iracemápolis, Itupeva, Jaguariúna, Jarinu, Joanópolis, Jundiaí, Leme, Limeira, Lindóia, Louveira,  Mogi Guaçu, Moji Mirim, Mombuca, Monte Alegre do Sul,  Monte Mor, Morungaba, Nazaré Paulista, Nova Odessa, Paulínia, Pedra Bela, Pedreira, Pinhalzinho, Piracaia, Piracicaba, Pirassununga, Rafard, Rio Claro, Rio das Pedras, Saltinho, Santa Bárbara d’Oeste, Santa Cruz da Conceição, Santa Cruz das Palmeiras, Santa Gertrudes, Santa Maria da Serra, Santo Antônio de Posse, Santo Antônio do Jardim, São João da Boa Vista, São José do Rio Pardo, São Pedro, São Sebastião da Grama, Serra Negra, Socorro, Sumaré, Tapiratiba, Torrinha,  Tuiuti,  Valinhos, Vargem, Vargem Grande do Sul, Várzea Paulista, Vinhedo.

Macrorregião 5: 89 municípios e 41 museus mapeados.
Cidades: Águas de Santa Bárbara, Alambari, Alumínio, Angatuba, Anhembi,  Apiaí, Araçariguama, Araçoiaba da Serra, Arandu, Areiópolis, Avaré, Barão de Antonina, Barra do Chapéu, Barra do Turvo, Bofete, Boituva, Bom Sucesso de Itararé, Botucatu, Buri, Cajati, Campina do Monte Alegre, Cananéia, Capão Bonito, Capela do Alto, Cerqueira César, Cerquilho, Cesário Lange, Conchas, Coronel Macedo, Eldorado, Fartura, Guapiara, Guareí, Iaras, Ibiúna, Iguape, Ilha Comprida, Iperó, Iporanga, Itaberá, Itaí, Itaóca, Itapetininga,  Itapeva, Itapirapuã Paulista, Itaporanga, Itararé, Itariri, Itatinga, Itu, Jacupiranga, Jumirim, Juquiá, Laranjal Paulista, Mairinque, Manduri, Miracatu, Nova Campina, Paranapanema, Pardinho, Pariquera-Açu, Pedro de Toledo, Piedade, Pereiras, Pilar do Sul,  Piraju, Porangaba, Porto Feliz, Pratânia, Quadra, Registro, Ribeira, Ribeirão Branco, Ribeirão Grande, Riversul, Salto, Salto de Pirapora, São Miguel Arcanjo, São Manuel, São Roque, Sarapuí, Sarutaiá, Sete Barras, Sorocaba, Taguaí, Tapiraí, Taquarituba, Taquarivaí, Tatuí, Tejupá, Tietê, Torre de Pedra, Votorantim.

Macrorregião 6: 37 municípios e 123 museus mapeados.
Cidades: Barueri, Bertioga, Caieiras, Cajamar, Carapicuíba, Cotia, Cubatão, Diadema, Embu das Artes, Embu-Guaçu, Francisco Morato, Franco da Rocha, Guarujá, Itanhaém, Itapecerica da Serra, Itapevi, Jandira, Juquitiba, Mairiporã, Mauá, Mongaguá, Osasco, Peruíbe, Pirapora do Bom Jesus, Praia Grande, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, Santana do Parnaíba, Santos, Santo André, São Bernardo, São Caetano do Sul, São Lourenço da Serra, São Paulo, São Vicente,  Taboão da Serra, Vargem Grande Paulista.

Macrorregião 7: 50 municípios e 44 museus mapeados.
Cidades: Aparecida, Arapeí, Areias, Arujá, Bananal, Biritiba-Mirim, Caçapava, Cachoeira Paulista, Campos do Jordão, Canas, Cruzeiro, Caraguatatuba, Cunha, Ferraz de Vasconcelos, Guararema, Guaratinguetá, Guarulhos, Igaratá, Ilhabela, Itaquaquecetuba, Jacareí, Jambeiro, Lagoinha, Lavrinhas, Lorena, Mogi das Cruzes, Monteiro Lobato, Natividade da Serra, Paraibuna, Pindamonhangaba, Piquete, Poá, Potim, Queluz, Redenção da Serra, Roseira, Salesópolis, Santa Branca, Santa Isabel, Santo Antônio do Pinhal, São Bento do Sapucaí,  São José do Barreiro, São José dos Campos, São Luís do Paraitinga, São Sebastião, Silveiras, Suzano, Taubaté, Tremembé, Ubatuba.

Processo de seleção

Para ser um Polo SISEM-SP é necessário que a instituição esteja mapeada no Cadastro Nacional de Museus ou inscritas no Cadastro Estadual de Museus de São Paulo, além de estar em operação, desenvolvendo atividades museológicas. Há exceção para os espaços temporariamente fechados ao público que têm, desde já, uma perspectiva de reabertura.

Os requerentes devem possuir uma equipe, a ser enumerada e nomeada no ato de inscrição, e possuir espaço para realização das atividades de formação com acesso à internet e pontos de energia elétrica.

Deve-se frisar que a instituição, ao ser nomeada Polo SISEM-SP, deverá disponibilizar espaço físico para a realização das atividades de formação do Programa Conexões Museus SP e disponibilizar um profissional para acompanhar a atividade e oferecer apoio técnico. Clique neste link para se inscrever: https://forms.gle/BFUUQ6SiYoJMSUim9

A seleção dos Polos será feita com a participação da ACAM Portinari, do GTC SISEM e do Conselho de Orientação do SISEM (COSISEM). Os resultados serão publicados no site e nas redes sociais do SISEM em até 30 dias após o término das inscrições.