Ir para o conteúdo

Em atendimento à legislação eleitoral, alguns conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.

De férias no Museu Índia Vanuíre

Publicado dia 22/07/2021 por Acam Portinari

Aprenda a confeccionar uma saia tradicional indígena (22) e divirta-se com a brincadeira dos nomes (25); on-line e gratuita

A programação virtual desta semana do Museu Índia Vanuíre, instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela ACAM Portinari, conta com oficinas infantis, dica de leitura, depoimentos e brincadeiras.

Dando continuidade ao Cultura e Diversão em Casa, programa que promove cultura e lazer no período das férias escolares em época de isolamento social, hoje, quinta-feira (22), às 15h, um Guarani-Nhandewa, da Aldeia Nimuendajú, da Terra Indígena Araribá, ensina a fazer uma saia tradicional conhecida em sua tribo como TAMBE’O. 

Na sexta-feira (23), às 15h, o museu apresenta curiosidades sobre os imigrantes letos que foram para Tupã/SP e contribuíram no desenvolvimento e na construção identitária da cidade.

A agenda também tem sugestão de leitura para o fim de semana. Todos os sábados, o equipamento indica uma obra interessante para o público que acompanha as redes sociais, voltadas às temáticas do Museu e de fácil acesso, em livrarias online e e-books gratuitos. No dia 24, sábado, o tema abordará visões xamânicas e meditações etnográficas sobre não indígenas.

E para o próximo domingo, o Museu Índia Vanuíre preparou uma ação em homenagem ao Dia do Escritor, celebrado em 25 de julho. Por isso, no dia 25, às 15h, por meio das redes sociais, o equipamento convida o autor do livro “Quando eu caçava Tatu e outros bichos”, Tiago Nhandew, para contar sobre sua trajetória na Literatura Indígena. 

Além disso, o domingo contará com oficina cultural, no Família no Museu. Às 12h, a instituição apresentará a brincadeira Encontre os Nomes, um modo de aprender sobre a etnia dos povos indígenas.

Como forma de continuar a disseminar a cultura, as ações educativas da instituição e também o tour virtual permanecem de forma on-line pelas redes sociais e site (@museuindiavanuire e www.museuindiavanuire.org.br/culturaemcasa)  

Posts Relacionados

Museu das Culturas Indígenas: o novo polo cultural de São Paulo que promete valorizar a diversidade

Veja Mais

COSISEM passará a ter representação do ICOM Brasil

Veja Mais

SISEM-SP divulga Relatório Anual de Atividades de 2020

Veja Mais