• portugues
  • espanhol
  • ingles
  • diminuir texto
  • aumentar texto

Mais de 1900 publicações nos cem dias de Cultura em Casa

Conteúdos foram produzidos pelos museus geridos pela ACAM Portinari e pelo SISEM no interior do Estado de São Paulo; toda a programação foi gratuita

O período de isolamento social, em virtude da pandemia do novo coronavírus, suspendeu as programações presenciais dos museus pelo mundo. No interior do Estado de São Paulo, os equipamentos Museu Casa de Portinari (Brodowski), Museu Índia Vanuíre (Tupã) e Museu Felícia Leirner (Campos do Jordão), instituições da Secretaria da Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, geridas pela ACAM Portinari, se reinventaram virtualmente e alcançaram mais de 1.542.656 pessoas em 1.900 publicações gratuitas pelas redes sociais e sites.

Os números foram compilados entre 17 de março e 25 de junho, período no qual resultou em 100 dias de atividades on-line que integraram a iniciativa Cultura Em Casa do governo estadual. Em Brodowski, o Museu Casa de Portinari fez 490 publicações entre lives, oficinas, vídeos, eventos on-line e curiosidades divulgadas para o público. Os vídeos tiveram mais de 6.600 visualizações, sendo 18.788 minutos assistidos. Como retorno, foram 646.518 pessoas alcançadas, 29.219 reações e 1.371 comentários nas publicações.

No Instagram, Facebook e Twitter do Museu Felícia Leirner e Auditório Claudio Santoro foram 419 publicações, como bate-papos, oficinas, curiosidades, cursos e eventos, e 1.064 visualizações dos vídeos, com 1.996 minutos assistidos no total. As pessoas alcançadas chegaram a 369.718, 11.210 reações e 471 comentários.

No Museu Índia Vanuíre os números também são expressivos. Foram 529 publicações entre eventos, oficinas educativas, contação de histórias e curiosidades sobre o equipamento e a cultura indígena. Nos vídeos, 3.591 pessoas assistiram a 10.868 minutos, e os conteúdos alcançaram 296.732 pessoas, que geraram 11.577 reações e 323 comentários.

Já o SISEM-SP (Sistema Estadual de Museus de São Paulo), instância da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado, com ações de apoio angariou mais 524 posts nas redes sociais, 12.120 reações, 406 comentários, 1.098 minutos de vídeos assistidos no Youtube e 230.158 pessoas alcançadas.

Página especial

Além dos conteúdos pelas redes sociais (Instagram, Facebook e Twitter) cada equipamento ganhou, também, uma página especial em seus respectivos sites seguindo a iniciativa #CulturaEmCasa.

Oficinas, lives, apresentações de projetos e do acervo, participações de artistas regionais, programações temáticas e dentre outras atividades estão disponíveis, simultaneamente, nas redes sociais e nos sites.

O objetivo é que todos tenham acesso, gratuito, às ações culturais do equipamento, bem como ao espaço expositivo. Além disso, o público pode acompanhar curiosidades, participar de jogos em um só local, sem perder nada.

Acesse:

www.museucasadeportinari.org.br/culturaemcasa

www.museufelicialeirner.org.br/culturaemcasawww.museuindiavanuire.org.br/culturaemcasa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*