Ir para o conteúdo

Em atendimento à legislação eleitoral, alguns conteúdos deste site ficarão
indisponíveis de 2 de julho de 2022 até o final da eleição estadual em São Paulo.

Universidades públicas recebem livros sobre museologia

Publicado dia 01/04/2014 por Acam Portinari

Exemplares de publicações técnicas de museologia foram distribuídos pela Secretaria de Estado da Cultura, por meio do SISEM-SP e a ACAM Portinari, aos centros de ensinos

Alunos de quinze universidades públicas de todo o país já estudam com a ajuda de livros técnicos doados pela Secretaria de Estado da Cultura, por meio do Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP) e da Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari (ACAM Portinari). As publicações contribuem com a divulgação e discussão de estudos, experiências e reflexões na área museológica.

Agora, as bibliotecas das instituições contam com a obra “Documentação e Conservação de Acervos Museológicos: Diretrizes” e quatro outros materiais da coleção Museu Aberto, publicados pela Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico (UPPM)/ Secretaria de Estado da Cultura (SEC). Ao todo, foram destinados 42 exemplares aos centros de ensinos.

O primeiro livro consiste em um trabalho de documentação e diagnóstico de 15, entre os 23 museus do Estado de São Paulo, ligados à Secretaria de Estado da Cultura. O projeto teve como objetivo aperfeiçoar o controle patrimonial e administrativo desse conjunto de bens. Ele apresenta as diretrizes teórico-metodológicas empregadas, os resultados alcançados e os desdobramentos esperados, além de proporcionar a propagação de técnicas de documentação museológica e conservação de acervos, podem servir de referência para o desenvolvimento de trabalhos de natureza semelhante em outros equipamentos.

O trabalho de investigação realizado como parte do curso de Especialização em Gestão da Comunicação, na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, de março de 2007 a junho de 2008, é apresentado no material “Para Além dos Muros: por uma comunicação dialógica entre Museus e Entorno” (2011).

Já o “Museus: o que são para o que servem?” (2011) reúne uma coletânea de artigos de profissionais de destaque e com contribuições importantes na área de museus. Ainda integram a coleção Museu Aberto as obras “Conservação Preventiva e Procedimentos em Exposições Temporárias” (2012) e “Questões indígenas e museus – Debates e Possibilidades” (2013).

Todas as publicações foram distribuídas durante as edições do Encontro Paulista de Museus e, por meio de uma parceria com o Sistema Estadual de Bibliotecas, também encaminhadas para as bibliotecas públicas instaladas no Estado.

Confira a lista de Universidades:
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro
Universidade Federal da Bahia
Universidade de São Paulo
Universidade Federal do Recôncavo da Bahia
Universidade Federal de Pelotas
Universidade Federal de Sergipe
Universidade Federal do Pará
Universidade Federal de Pernambuco
Universidade Federal de Goiás
Universidade de Brasília
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Universidade Federal de Ouro Preto
Universidade Federal de Minas Gerais
Universidade Federal de Santa Catarina
Centro Universitário Barriga Verde (UNIBAVE)

Sistema Estadual de Museus

O Sistema Estadual de Museus (SISEM-SP) congrega e articula os museus do Estado de São Paulo, com o objetivo de promover a qualificação e o fortalecimento institucional em favor da preservação, pesquisa e difusão do acervo museológico paulista. Em mapeamento realizado em 2010, foram listadas 415 instituições museológicas, públicas e privadas, em 190 municípios paulistas. O SISEM-SP se estrutura em torno das premissas de parceria e responsabilidade compartilhada, em que as ações previstas para cada região são concebidas levando-se em conta o contexto, as demandas e as potencialidades locais. É coordenado pela Unidade de Preservação do Patrimônio Museológico da Secretaria de Estado da Cultura (UPPM/SEC), tendo como instância organizacional o Grupo Técnico de Coordenação do Sistema Estadual de Museus (GTC SISEM-SP). Para saber mais acesse: www.sisemsp.org.br

ACAM Portinari

Fundada em 27 de novembro de 1996, a ACAM Portinari (Associação Cultural de Apoio ao Museu Casa de Portinari) administra, em convênio com a Secretaria de Estado da Cultura, três instituições museológicas no interior de São Paulo pertencentes ao Governo do Estado: Museu Casa de Portinari (Brodowski), Museu Histórico e Pedagógico Índia Vanuíre (Tupã) e Museu Felícia Leirner/Auditório Claudio Santoro (Campos do Jordão). A ACAM, que tem sua sede em Brodowski, tem como principal objetivo o desenvolvimento da área cultural, particularmente a museológica, por meio das colaborações técnico-operacional e financeira. A instituição também apoia as ações do SISEM-SP (Sistema Estadual de Museus), com quem realiza importantes iniciativas como oficinas de capacitação para museus, oficina de ensino à distância e, ainda, o Encontro Paulista de Museus, entre outras.

Núcleo da Notícia Comunicação Corporativa:
(16) 3237.7367 / 3237.7368 / 3237.7369
André Luís Rezende – (16) 9.8142-4299
andreluisrezende@nucleodanoticia.com.br
Juliana Dias – (16) 9.9233-1823
julianadias@nucleodanoticia.com.br
Dayane Malta – (16) 9.9233-3014
dayanemalta@nucleodanoticia.com.br
www.nucleodanoticia.com.br

Secretaria de Estado da Cultura:
Natalia Inzinna – (11) 2627-8162
ninzinna@sp.gov.br
Jamille Menezes – (11) 2627-8243
jmferreira@sp.gov.br

Posts Relacionados

Museu das Culturas Indígenas: o novo polo cultural de São Paulo que promete valorizar a diversidade

Veja Mais

COSISEM passará a ter representação do ICOM Brasil

Veja Mais

SISEM-SP divulga Relatório Anual de Atividades de 2020

Veja Mais